Vida Ativa

Vitória

› Rua Viva, Lama e Orla são destaques da vida noturna na ilha


Rua Viva e Triângulo das Bermudas

Inaugurada em janeiro de 2013, a Rua Viva, antiga Rua 24 Horas, no Triângulo das Bermudas, é um espaço dedicado ao lazer noturno de turistas, moradores e frequentadores da Praia do Canto. Das 22 às 5 horas, os carros estão proibidos de circular no trecho da Rua Joaquim Lírio entre as vias João da Cruz e Manoel Carneiro.

O Triângulo das Bermudas compreende o trecho entre as ruas Joaquim Lírio e João da Cruz, na Praia do Canto, e recebeu dos boêmios da cidade esse nome há mais de 20 anos. É ponto de encontro de amigos antes de irem para o "rock" nas boates, nas noites de sexta e sábado.

Onde fica: na Praia do Canto, ruas João da Cruz e Joaquim Lírio.

Rua da Lama

É espaço de bares destinado ao público jovem. Os bares ficam abertos até a madrugada.

Onde fica: a "Rua da Lama" é a Avenida Anísio Fernandes Coelho, localizada no bairro Jardim da Penha, próximo à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

Hortomercado

Possui restaurantes de estilos variados. É um ambiente climatizado para happy hour.

Endereço: Rua Licinio dos Santos Conte, 51, Enseada do Suá.

Telefone: (27) 3315-9604.

Horário de funcionamento: diariamente, das 8 às 23 horas.

Orla de Camburi

Nessa praia estão alguns dos maiores hotéis e restaurantes da capital, que servem a famosa moqueca capixaba.

Onde fica: Avenida Dante Michelini, passando pelos bairros Jardim da Penha, Mata da Praia e Jardim Camburi.

› Academia Popular da Pessoa Idosa

Mais um bairro foi contemplado com a Academia Popular da Pessoa Idosa (APPI). Depois de Romão e Nova Palestina, agora é a vez de Redenção receber a estrutura. O espaço, na Baía Noroeste, é coberto e conta com aparelhos voltados para a terceira idade, pois são exercícios de baixo impacto. São aparelhos modernos, resistentes à ação do tempo, contando com placa indicativa da maneira correta de cada exercício. Os equipamentos simulam atividades como caminhadas, remada e outros, sempre com o objetivo de alongar, fortalecer e desenvolver a musculatura e trabalhar a capacidade aeróbica.

› Lazer e contato com a natureza

Lazer e contato com a naturezaOs parques abertos à população são opção de lazer para crianças e adultos em Vitória. O mais antigo deles é o centenário Parque Moscoso, um ótimo espaço para brincar, andar de bicicleta, jogar bola ou simplesmente contemplar a natureza. O chafariz é uma atração à parte. Mesas para jogos, campo de futebol de areia, lago com peixes e pontes completam o cenário. Esportes ao ar livre também têm vez no Parque Barreiros, que conta com campo de futebol, quadra de bocha, pista de caminhada e muita área verde. Já no Parque Pedra da Cebola, há muito espaço para uma atividade física, como caminhada e corrida. Um mirante que permite ver boa parte da cidade é outra atração.

› Cerâmica capixaba

Se a tradicional moqueca capixaba, conhecida nacionalmente, tem de ser feita em panela de barro, nada mais justo do que as paneleiras, fabricantes artesanais das autênticas panelas, terem um espaço especial para divulgar o seu trabalho. Vale a pena conhecer o galpão na Rua das Paneleiras, 55, em Goiabeiras. O funcionamento do local vai de segunda a sábado, das 8h às 18h.

› Museu do Pescador

O Museu Histórico da Ilhas das Caieiras Manoel dos Passos Lyrio, ou Museu do Pescador, como é mais conhecido, conta com uma sala de leitura com um acervo inicial de 244 títulos, entre livros de literatura voltados para crianças, jovens e adultos, além de espaço para acesso à internet. Os títulos selecionados priorizam histórias com elementos que fazem parte do cotidiano da comunidade. O museu fica na Rua Felicidade Correia dos Santos, s/nº, e funciona de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h.

› Malhação em qualquer idade

Quem tem mais de 60 anos pode utilizar, gratuitamente, as Academias Populares da Pessoa Idosa (APPIs), espaços públicos para a prática de exercícios físicos com aparelhos instalados ao ar livre. São dez equipamentos, que servem para alongar, fortalecer, desenvolver a musculatura em geral e trabalhar a capacidade aeróbica.

Veja em que locais estão instaladas as academias:
• Praça Mario Elias da Silva, Jardim Camburi
• Praça dos Desejos, Praia do Canto
• Parque Moscoso, Centro
• Parque Municipal Baía Noroeste, Santo André
• Parque Municipal Horto de Maruípe, Maruípe
• Orla de Maria Ortiz / Jabour
• Orla de Nova Palestina

› Escrito nas estrelas

Em qualquer idade, ver estrelas é um grande programa. Por isso, o Planetário de Vitória tem sessões para diferentes faixas etárias. O Céu de 1500 narra a viagem de descobrimento do Brasil; Nordon a Shalissa conta a história de duas crianças surpreendidas pela visita de um extraterrestre; Universo na Mente das Crianças é voltada a crianças a partir de quatro anos e retrata os planetas como se fossem seres vivos; e o Reconhecimento do Céu ensina ao público truques que possibilitam reconhecer as estrelas e suas respectivas constelações. O planetário fica na avenida Fernando Ferrari, 514, Campus de Goiabeiras da Ufes, e há sessões às sextas-feiras, às 19 horas, e aos sábados das 14h às 18h (uma por hora).

› Palácio Anchieta

Palácio Anchieta foi construído pelos padres jesuítas no século 16 e abrigou, até 1760, o Colégio de São Tiago. Situado na Cidade Alta, de frente para a Baía de Vitória, guarda o túmulo simbólico do padre José de Anchieta, que costumava percorrer a pé o trecho de aproximadamente 100km entre Vitória e o município de Anchieta, no sul do estado. O Palácio é utilizado como sede do Governo do Estado do Espírito Santo desde o século 18, sendo uma das sedes de governo mais antigas do Brasil. Merece uma visita. O endereço é Rua Pedro Palácios, s/nº, no Centro, e o prédio fica aberto ao público de terça a domingo, das 12h às 17h. O telefone é 3321-3500.

› Catedral Metropolitana

Turistas e moradores não podem deixar de visitar a Catedral Metropolitana, que teve sua construção iniciada na década de 1920 e concluída somente 50 anos depois. A catedral fica quase no mesmo local onde se erguia a antiga Matriz de Vitória e apresenta belíssimos vitrais, doados por famílias importantes da ilha. No subsolo encontra-se uma capela na qual estão sepultados os mais antigos bispos do Espírito Santo. De estilo neogótico, com nave, capela-mor, coro, sacristia, transepto e cripta, a igreja possui relevante interesse arquitetônico, principalmente por seu estilo único na capital. A catedral fica na Praça D. Luiz Scortegagna, na Cidade Alta, no Centro, e está aberta de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 14h às 19h. Aos sábados e domingos, a visitação vai das 8h às 11h e das 17h às 19h.

borda

Área Restrita

Área reservada apenas para associados e prestadores.